Costa de Antrim: Carrickfergus Castle, Carrick-a-Rede, Giant’s Causeway

Em um fim da tarde de sexta-feira, embarcamos em uma viagem de 2h de trem de Dublin a Belfast, na Irlanda do Norte. No dia seguinte, fizemos um passeio de ônibus pelo condado de Antrim, na Irlanda do Norte, e as paisagens ganharam o nosso coração! Partimos pela manhã, e a primeira parada foi no Carrickfergus Castle, um castelo de mais de 800 anos, que até 1928 foi usado como base militar e hoje é conservado como patrimônio histórico do país e tornou-se ponto turístico. Nós não entramos no castelo, mas é possível visitá-lo por dentro e subir à torre. Para mais informações sobre preços e horários, cliquem aqui.

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26263796402/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26130008068

Depois, viajamos pela costa do condado de Antrim: uma das paisagens mais lindas que já visitamos! Não conseguimos tirar fotos no trajeto porque estávamos sentados na fileira da esquerda, longe da janela e das paisagens à direita. 😦 Este é maior ponto negativo das excursões, porque, caso nós tívessemos alugado um carro, teríamos parado em todos os lugares que quiséssemos e aproveitado a vista com mais calma, mas ali estávamos presos ao roteiro do grupo! Neste caso, particularmente, nós super nos arrependemos de ter ido em excursão, porque queríamos ter aproveitado melhor as paisagens, mas também já fizemos outras viagens em grupo que valeram super a pena, porque não teríamos tido coragem de fazer tudo sozinhos, como no Marrocos, por exemplo! Então, fica a dica: excursões são boas, porque não precisamos nos preocupar em dirigir e encontrar o caminho, mas são ruins porque você vai ficar limitado aos horários e paradas impostas pelo grupo. Assim, é preciso analisar, caso a caso, quais são as suas prioridades e decidir do que você prefere abrir mão!

No caminho, passamos por diversos vilarejos encantadores, além da maravilhosa vista da costa, e até da Escócia que, em determinado ponto, fica a menos de 20km da Irlanda do Norte. Este percurso é conhecido como “rota cênica”, título que faz justiça à sua beleza! É possível perceber isso ao ver as fotos das nossas paradas em Carrick-a-Rede e na Calçada dos Gigantes.

A segunda visita foi à Carrick-a-Rede Rope Bridge, uma ponte de cordas que foi usada por pescadores por muitos anos, mas hoje virou ponto turístico devido à beleza do local. Para atravessar a ponte, é preciso pagar uma taxa de £7.00 por adulto. O horário de funcionamento e mais informações sobre outras categorias de preço podem ser consultados aqui.

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26263721082/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26083221280/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/25751178604/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/25753273403/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26289788351/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/25753263053/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26329993166/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/25751060014/in/datetaken/

A paisagem é simplesmente de tirar o fôlego, por isso entrou na nossa lista de lugares mais lindos visitados!

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26083533150/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26290166881/in/datetaken/

A parada seguinte foi igualmente incrível: na Calçada dos Gigantes (Giant’s Causeway). Reza a lenda que um gigante irlandês queria brigar com um gigante escocês e, para isso, construiu uma ponte da Irlanda do Norte até a Escócia. O gigante escocês comprou a briga e veio para mostrar para o irlandês quem mandava ali. A esposa do gigante irlandês, vendo que o escocês era “muito mais gigante que o seu gigante” teve a brilhante ideia de vestir o seu marido com roupas de bebê, para enganar o rival. Quando o escocês viu o “bebê-gigante” irlandês, ele se apavorou e fugiu, pensando “Se o bebê é deste tamanho, imagina como é o pai!” e, assim, destruiu a ponte no seu retorno. Foi devido à lenda que o lugar ganhou o nome de Calçada dos Gigantes (Giant’s Causeway). A única verdade que eu tenho certeza nesta estória é que por trás de todo grande homem, existe uma sábia mulher! 😉

Lendas à parte, segundo os geólogos, a “calçada” teve origem em uma erupção vulcânica há mais de 60 milhões de anos. De fato, é incrível ver as pedras em formato hexagonal, que parecem ter sido lapidadas e encaixadas ali pelo homem, mas que, na verdade, são consequências da natureza! A natureza faz mesmo maravilhas e nós precisamos valorizá-las e preservá-las!

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26082966910/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/39975877312/in/photostream/

De modo geral, o acesso ao local é gratuito, mas torna-se pago caso queiram estacionar no local ou visitar o centro de visitas. Podem ver mais detalhes sobre os valores, nestes casos, clicando aqui.

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26263811162/in/datetaken/

https://www.flickr.com/photos/131057267@N05/26264013772/in/datetaken/

Como já puderam perceber, nós amamos demais o passeio pela costa de Antrim e super recomendamos para quem visitar a Irlanda do Norte, ou mesmo a Irlanda, que não é absurdamente longe! Para mais informações sobre acesso, horários de funcionamento (que variam de acordo com a época do ano) e preços, consultem:

Carrickfergus Castle – Discover Northern Ireland

Carrick-a-Rede Rope Bridge – Discover Northern Ireland

Giant’s Causeway – site oficial

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s